3 razões para fazer previdência privada

"atributo alt= previdência privada "

3 razões para fazer previdência privada

Um bom planejamento pode fazer uma grande diferença na sua saúde financeira. Por isso, é fundamental lidar adequadamente com o seu dinheiro, garantindo que ele nunca falte no futuro. Entre tantas opções de investimentos no longo prazo, a previdência privada merece destaque.

Ela pode ser vista como um complemento da previdência pública, para que você não tenha que depender apenas do governo para se sustentar e manter seu padrão de vida depois que se aposentar.

Uma das vantagens é que, com a previdência, é possível escolher o valor da contribuição e a periodicidade em que ela será feita. Com isso, você poderá contribuir com o valor que desejar, pelo tempo que quiser, recebendo de acordo com o que foi investido ao longo dos anos.

Quem tem interesse por esse tipo de investimento deve saber que existem dois tipos de previdência privada. Conheça, a seguir, um pouco mais sobre como eles funcionam.

Os tipos de previdência privada

 

De maneira geral, os planos de previdência estão divididos em duas modalidades: o Plano Gerador de Benefício livre (PGBL) e a Vida Gerador de Benefício livre (VGBL).

O PGBL é o plano de previdência privada considerado mais adequado para aqueles clientes com renda tributável, que declaram o Imposto de Renda no formulário completo e que têm rendas elevadas. Ele permite a dedução das contribuições até 12% da renda bruta anual. O adiamento da cobrança de impostos no curto prazo é outra vantagem para o investidor.

Já o VGBL é uma forma de investimento que não pode ser abatida para os contribuintes que declaram o Imposto de Renda no modelo simplificado, para profissionais autônomos que não têm recolhimento na fonte ou para quem busca aplicar um percentual maior do que 12% da renda anual na previdência. Neste tipo de aplicação, o imposto recai sobre os lucros, e não sobre o valor aplicado.

Mas afinal, quais são as razões para fazer uma previdência privada?

 

Agora que você já conhece um pouco mais a respeito da previdência privada, conheça os principais benefícios que ela pode trazer para a sua vida no longo prazo.

1. A previdência privada permite a diversificação dos investimentos

 

Quem gosta de investir sabe que não é interessante aplicar todo o dinheiro em apenas um tipo de investimento. Por isso, a previdência privada acaba se tornando uma maneira segura e diferenciada para investir o seu dinheiro, tendo a certeza de que, no futuro, você terá uma renda extra.

2. Você terá benefícios fiscais

 

Em um plano de Previdência Privada, a tabela do Imposto de Renda (IR) é regressiva em relação ao tempo da aplicação. Ou seja, quem deixa o dinheiro aplicado por mais tempo acaba pagando menos impostos do que aqueles que fazem o resgate em um período mais curto.

A tabela de alíquota do IR segue os seguintes valores:

  • Até 2 anos: 35%.
  • De 2 a 4 anos: 30%.
  • De 4 a 6 anos: 25%.
  • De 6 a 8 anos: 20%.
  • De 8 a 10 anos: 15%.
  • Mais de 10 anos: 10%

3. Você conseguirá, finalmente, poupar

 

Muitas pessoas têm problemas para guardar o dinheiro, pois acabam não tendo muito controle na hora de gastar. Por isso, é fundamental ter um investimento que requer uma regularidade obrigatória nos depósitos.

Caso se arrependa e queira retirar o dinheiro antes da hora, o investidor arcará com altas taxas e impostos. Assim, diferentemente de uma poupança, quem investe em aposentadoria privada pensará duas vezes antes de sacar o dinheiro.

Por isso, o plano de previdência privada é essencial para quem deseja ter uma renda garantida no futuro, não dependendo apenas do governo para ter uma aposentadoria mais tranquila.

Quer saber mais sobre previdência privada? Tem alguma dúvida sobre outras formas de investimento e seguros para proteger o seu futuro e o da sua família? Deixe sua mensagem nos comentários ou entre em contato conosco. Até a próxima!

 

No Comments

Postar Comentário

Converse conosco pelo Whatsapp
× Olá !! Precisa de ajuda ?