Novo ano, novas metas: como engajar a equipe para 2018

Novo ano, novas metas: como engajar a equipe para 2018

O sucesso é um objetivo fundamental para qualquer empresa. Por isso, com um novo ano iniciando, é hora de renovar as perspectivas e idealizar novos projetos e metas. Em breve começa um novo ciclo e também um novo momento, que exigirá muita dedicação e trabalho para todos os envolvidos.

Se a sua figura é de liderança, é também momento de fazer um novo planejamento em prol do desenvolvimento e para engajar a equipe a iniciar 2018 motivada e produtiva.

Pensando nisso, confira, a seguir, dicas para engajar a equipe na busca pelas metas organizacionais no novo ano. Acompanhe!

Antes de partir para a ação, planeje

Antes de você iniciar um trabalho junto à equipe, você precisa se planejar. Ou seja, entender a realidade da empresa dentro do cenário atual, bem como quais serão os objetivos e metas no próximo ano.

Veja quais são os investimentos disponíveis e o que precisará ser reduzido. Essa ação é fundamental para que você consiga desenvolver um plano de ação eficaz e direcionado, que possa influenciar positivamente no serviço prestado pelos colaboradores.

Converse com a equipe

Depois de realizar o planejamento, é hora de iniciar a comunicação com a equipe. Você precisa expor aos seus colaboradores a realidade da empresa, compartilhar novos projetos e metas de desenvolvimento.

Não deixe também de agradecer pelo trabalho que estão desempenhando e reforçar a importância de cada um deles para o desenvolvimento da organização.

Para engajar a equipe, é importante, ainda, que essa não seja uma comunicação unilateral. Assim, ofereça espaço para que os funcionários também possam se manifestar, expressando suas dúvidas, dando ideias, etc. Essa ação simples é fundamental: cerca de 80% dos participantes de um estudo afirmaram ser crucial para sua satisfação que seu líder ouça suas ideias.

Portanto, esse é o momento de se aproximar e fazer com que sintam-se parte integrante das perspectivas do negócio. Uma equipe engajada é aquela que se sente feliz e integrada em seu ambiente de trabalho, motivada para alcançar as metas estipuladas.

Acompanhe a equipe

Não é porque você fez uma ação de engajamento no início do ano que não precisa mais pensar no desenvolvimento dos funcionários nos próximos meses. Esse é um trabalho contínuo, que exige acompanhamento, redirecionamento e feedback constante.

Passe a reservar um pouco do seu tempo para pensar em alternativas de desenvolvimento para seus colaboradores. Que tal algum programa de capacitação? Ou conversas para feedback? São alternativas que auxiliam no desenvolvimento conjunto – tanto da empresa quanto do profissional.

Não esqueça de começar a engajar também quem está entrando na empresa

Pode parecer estranho, mas sem estímulos, mesmo quem acabou de ser contratado pode rapidamente se desmotivar.

O ideal é que as metas sejam compartilhadas com o novo funcionário ainda no processo seletivo, bem como os seus critérios de avaliação. Além disso, pequenas reuniões a fim de facilitar a adaptação do colaborador e promover alinhamento constante entre suas expectativas e os objetivos organizacionais também são importantes.

Tudo isso pode fazer parte de um projeto de integração organizacional de sua empresa. Acredite, esses cuidados poderão trazer resultados impressionantes: empresas com um processo de integração bem estruturado registram produtividade do novo colaborador 54% maior e uma taxa de retenção de novos funcionários 50% maior. Além disso, conforme estudo, 87% dos colaboradores de empresas referência em seus processos de integração organizacional registraram o atingimento das metas estabelecidas dentro do período estipulado.

Para engajar a equipe, valorize os resultados positivos

Seu funcionário pode ser nota 10, mas se ele não for valorizado por isso, tende a se desestimular e, consequentemente, reduzir a produtividade.

Por isso, pense em como você pode valorizá-lo! Comece com a prática do feedback, apontando o seu bom comportamento, rendimento e ações de destaque. O seu colaborador precisa saber como está sua forma de atuação e receber suas considerações a respeito disso. Um colaborador seguro de seu trabalho e que se sente visto pela sua supervisão, tende a desenvolver um trabalho muito melhor.

Ofereça estímulos

Reconhecer é muito bom, mas para engajar a equipe mais efetivamente, os estímulos também são excelentes recursos.

Quando o assunto é cumprimento de metas, uma ideia bastante eficaz é a da bonificação sobre o resultado obtido. Essa bonificação não tem formato definido – pode ser um aumento de salário, uma porcentagem sobre determinado faturamento, férias expandidas, uma folga, vale-presente, etc.

O que importa é que seja algo que estimule o funcionário a desenvolver o seu serviço com ainda mais competência e engajamento.

Se você tem dúvidas sobre o que será valorizado e funcionará melhor para engajar a equipe e aumentar sua produtividade e motivação, fazer uma pesquisa de clima anônima é um excelente meio de obter respostas precisas e sinceras.

Conseguir engajar a equipe é um poderoso passo para que bons resultados sejam alcançados pela organização. Com as estratégias certas e com a execução coerente, é possível manter um time forte e unido para encarar todos os desafios que 2018 tem para oferecer.

E então, pronto para começar a colocar essas dicas em prática? Tem algum conselho sobre como engajar a equipe de trabalho? Deixe sua mensagem nos comentários e até a próxima!

 

No Comments

Postar Comentário