Qual é a diferença entre corretora e seguradora?

Qual é a diferença entre corretora e seguradora?

Na hora de contratar um seguro, você recorre à Corretora ou à Seguradora? Quando ocorre um sinistro, quem é o responsável pelo pagamento da indenização? Veja, no post de hoje, a diferença entre Corretora e Seguradora e conheça a resposta desses e de outros questionamentos comuns da área de seguros.

Trabalho da Corretora de Seguros

As Corretoras são empresas autorizadas pela SUSEP (Superintendência de Seguros Privados) a comercializar e promover os produtos das Seguradoras (isto é, os contratos de seguro), atuando como intermediárias entre o Segurado (pessoa física ou jurídica) e a Seguradora, visando a garantia do cumprimento do contrato.

Cabe às Corretoras, quando necessário, interceder a favor do Segurado em situações em que haja problemas e formar o elo entre ele e a Seguradora. As Corretoras devem fazer uma análise dos riscos aos quais o cliente está exposto e encontrar, junto às Seguradoras, o seguro que seja mais adequado às suas necessidades.

A contratação de seguros por meio de Corretora não é obrigatória por lei no Brasil, embora seja desejável, visto que o mercado é repleto de peculiaridades, regras, cláusulas de contrato e conhecimentos técnicos que as pessoas e empresas, muitas vezes, desconhecem. Assim, a Corretora torna-se essencial para ajudar o Segurado a encontrar o melhor produto e a fechar a opção de apólice para seu caso específico. Entretanto, a atuação do Corretor não termina com o fechamento do contrato. Após essa parte, ele realiza o acompanhamento da manutenção da apólice e, caso o Segurado necessite acionar o seguro depois da ocorrência de um sinistro, a corretora deve instruí-lo de modo a agilizar o processo de indenização, por exemplo.

Atribuições da Seguradora

As Seguradoras são empresas autorizadas pela SUSEP a assumir riscos e a indenizar os Segurados mediante qualquer tipo de prejuízo que esteja de acordo com o contratado na apólice. Dessa forma, quando ocorrem sinistros, é a Seguradora a responsável pelo pagamento da indenização.
Também é ela quem deverá realizar a apuração dos mesmos e de seus danos, verificando se a solicitação do Segurado condiz com as coberturas asseguradas no contrato.

As Seguradoras não estão autorizadas a desenvolver outra atividade diferente da venda de seguros, planos de previdência e títulos de capitalização. A atuação delas é regulada pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP), pela SUSEP e pela ANS (a qual está vinculada especificamente o controle e fiscalização do seguro saúde). Dessa forma, as Seguradoras seguem regras gerais estipuladas por esses órgãos.

Dicas de como escolher uma boa Seguradora ou Corretora

Antes de contratar a Seguradora ou Corretora, verifique se eles estão habilitados pela SUSEP. Faça uma pesquisa, também, sobre a experiência e a reputação da empresa ou profissional – a internet pode ser uma boa fonte de informações, você poderá consultar, por exemplo, os comentários nas redes sociais e se há alguma reclamação de outros clientes em sites como o Reclame Aqui.

Lembre-se, a Corretora é quem representa o Segurado e defende os seus interesses junto à Seguradora. Portanto, é fundamental que se estabeleça uma relação de confiança com esses profissionais.
Resolvemos sua dúvida? Continue no blog e aprenda mais sobre esse e outros temas de seu interesse!

No Comments

Postar Comentário